Temperatura de cor

Conceitualmente, a temperatura de cor, medida em graus Kelvin (K), é determinada conforme a aparência de cor que um corpo negro hipotético emite naquela temperatura. Ou seja, um corpo negro aquecido em 3000K emite uma luz amarela e um corpo aquecido até 7000K emite uma luz com tonalidade azul.
Quanto menor a grandeza na escala Kelvin, mais amarelada a luz se apresenta, o que comumente denominamos como “cor quente”. E quanto maior, temos “cores frias” e azuladas. Mas não se engane, a temperatura de cor da lâmpada não tem relação com o calor físico emitido por ela!

Mas afinal, qual é a importância da temperatura de cor na iluminação de um ambiente? Muito mais que os efeitos estéticos, você sabia que ela pode interferir no rendimento das nossas atividades diárias, no sono e até mesmo na nossa saúde? O corpo humano é regulado pelo ciclo circadiano, conhecido como “ritmo biológico”, o qual está diretamente ligado à influência da luz natural e ao ciclo do sol.
No início e no fim do dia o sol proporciona uma luz amarelada que geralmente causa relaxamento. Ao longo do dia temos um aumento da temperatura de cor da luz solar, atingindo cerca de 6500K ao meio dia, o que aumenta nossa concentração e apura o estado de performance nas atividades. Com base neste estudo conseguimos manipular a luz artificial a fim de alcançar o melhor desempenho para cada situação!

BRANCO QUENTE (2700k a 3500k)
É a preferida para quartos, sala de jantar, sala, entre outros cômodos que você deseja ter uma sensação de aconchego, relaxamento, tranquilidade e conforto. Em restaurantes, bares e cafés também é interessante usar esse tipo de iluminação, com uma potência não muito forte.

BRANCO NEUTRO (4000k a 4500k)
É recomendada para espaços como cozinha, banheiros, escritórios, salas de aula, lojas e outros ambientes que pedem um nível de atenção maior.

BRANCO FRIO (5000k a 6500k)
É mais indicada para ambientes que exijam um alto nível de atenção ou que também seja importante destacar a limpeza do local, como clínicas, consultórios, farmácias, hospitais e indústrias.

Atendimento